segunda-feira, 9 de abril de 2007

Epílogo do feríado extendido

Até que ter chovido não foi tão mal assim... Ficar "acampada" na sala de casa, em boa companhia, vendo filmes (e fazendo outras coisitas), às vezes, fugindo para ir ao cinema com a cidade vazia é uma beleza.

Beleza maior ainda, foi meu feríado extendido (cinco dias) que terminou hoje - hora de levantar acampamento.

Não sem antes fofocar aqui um babado forte, que fiquei sabendo ontem, que rolou na minha rua, enquanto eu hibernava... Um dos meus vizinhos foi pego transando e lambendo a periquita da sua cadela.

Depois da denúncia de uma vizinha da rua de cima, nada mais, nada menos do que três viaturas da PM vieram até o local da "ocorrência", levaram-no preso e a cachorrinha para fazer exame de corpo delito.

Duas questões, a primeira é: por que tanta viatura para um "caso" destes? Seria mera curiosidade de páscoa dos políciais? Pois quando eu chamo por causa de zona, bagunça, festas e caixas de sons na rua até altas horas eles alegam não terem carro... Vai entender... Tsc, tsc...
E segunda questão: não sei se fico com mais dó da cachorra (eu amo animais) ou com dó do ser humano que fez isto, porque para chegar à este ponto, bom da cabeça ele não estava né?

4 comentários:

Abreu disse...

Lençóis de seda, Carlinha?

Sds.,

O Meu Jeito de Ser disse...

Pois é Carlinha, o tempo não estava lá essas coisas, mas deu até praia viu? Se tivesse vindo prá cá, daria prá se divertir um pouquinho.
Agora o caso desse doente aí, só camisa de força, ou prá ser mais drástica, só capando esse tarado, quem sabe assim ele sossega.
A polícia é isso mesmo, só aparece em casos assim, em que eles correm menos ou quase nenhum risco,é melhor nem precisar deles.
Um beijo querida.

grace disse...

cheguei e vim te ver..beijos e saudades

Carlinha disse...

Abreu lençois de lojas de departamentos mesmo!

Aninha Praia, sempre tem tempo bom para quem não acampa... E quanto ao tarado e aos PM's que tal colocá-los no mesmo lugar?

grace Fico feliz cada vez que vem aqui, beijos!