sábado, 18 de outubro de 2008

Sobre o resultado da minha queimadura

Estes dias veio através de um site de buscas uma moça querendo saber sobre a queimadura combinda por cera + hidroquinona.
Ela não deixou blog nem endereço de retorno. E meio que devendo uma explicação sobre o que aconteceu comigo este tempo todo vou explicar:

Durante o processo de cicatrização eu não pude fazer nada com a ferida, apenas sabonete de glicerina para limpar. Tomei remédios antinflamatórios, dipirona para a dor e antialérgico (por causa da xilocaína e do spray anti-séptico que erroneamente eu usei e pioraram mais o caso).
Nunca em caso de queimadura usem qualquer produto tópico sobre a ferida sem orientação médica.
Depois de cicatrizada, ganhei uma mega mancha resultado da alteração da melanina - manchas pós queimaduras que ficam bem escuras. Ou seja, quis tirar o bigodinho e ganhei um bem grandão.
Daí que no desespero já queria fazer um peeling a laser assim que cicatrizou, procedimento terminantemente proíbido pela médica devido a sensibilidade em que se encontrava a pele.
Enfim, para eu não ficar triste ela me deu um tal de ácido azelaico 20%, que na verdade não é um ácido que descama a pela como a hidroquinona, mas age dentro da célula produtora de melanina regulando a produção. Foi um paliativo com efeito a longo prazo.
Como passei pelos últimos meses mais envolvida com a doença da minha gatinha e tive gastos homéricos com ela, minha mancha ficou em segundo plano nas minhas prioridades (tanto emocionais quanto financeiras).
Sem "ligar" para o borrão do rosto, utilizando protetor solar constatemente e o tal do ácido azelaico durante a noite, em menos de três meses (um tempo até que grande, mas que para mim passou voando) a mancha quase desapareceu.
Resumindo, se você se queimou como eu, primeiro procure um médico, durante a cicatrização não use nenhum produto tópico sem recomendação e, no meu caso, ácido azelaico (recomendado pela médica) para clarear a mancha e protetor solar depois.

6 comentários:

Grace Olsson disse...

carlinha, nao sabia dessa.
Tenho uma marca que fz tempo.
Beijos e dias felizes
Melhoras para ti e para agatinha

Luma disse...

Carla, meu filho queimou o rosto e o medico pediu para fazer compressa, uma vez ao dia, com antisséptico, um produto muito utilizado para banhos de assento em crianças com assaduras, acho que permanganato de potásio. Lembro que depois da compressa, a pele formada e agora amolecida, tinha que ser completamente removida. A cicatrização foi de fora pra dentro, demorou bastante tempo até que a última pelezinha removida saiu quase transparente e pequenininha. Hoje em dia, ele tem a pele do rosto perfeita, como se nunca tivesse sofrido queimadura. Ficar sem tomar sol e usar sempre filtro solar é outra recomendação. Sumiu!!! Beijus

FaNa disse...

é, mais cuidado com certos produtos@!

Janaína Moraes disse...

Olá, estou apenas passando para te apresentar o meu blog.
Estórias Medíocres traz de tudo um pouco, com um leve toque de opinião.
Passa por lá quando der para conhecer.

Mysterious Ways disse...

carlinha !

Achei um coment seu no meu blog, olhando os posts antigos !

Vc queimou o rosto usando cera é isso?

Eu tenho trauma de cera , mas nao foi bem no rosto.. :p

E esse ácido aí? é como o retinóico ?

Bijucas da Mysterious

Carla;;; disse...

poxa! aconteceu o mesmo comigo so que ainda naum procurei o medico e nem a mancha desapareceu ja faz 2 meses e fiquei muito nervosa quando li o que vc escreveu.. "a mancha QUASE desapareceu." Como assim? quase desapareceu??? por favor me explique to mt nervosa!!!!!
contato: carlinhabds_xxt@hotmail.com